Prefeitura apresenta as contas do 2º quadrimestre de 2017

Durante audiência pública realizada na Câmara Municipal de Porto Alegre, no dia 26 de setembro, e organizada pela Comissão de Economia, Finanças, Orçamento e do Mercosul (Cefor), com a participação do vereador João Carlos Nedel, os secretários municipais da Fazenda, Leonardo Busatto, e de Planejamento e Gestão, José Alfredo Parode, apresentaram o relatório das contas da Prefeitura do 2º quadrimestre de 2017. Em comparação com o mesmo período do ano passado, as receitas aumentaram 0,9%, de R$ 3,92 bilhões para R$ 3,96 bilhões, e as despesas diminuíram de R$ 4,4 bilhões para R$ 4,3 bilhões, cerca de 3,8%. Entretanto, apesar do pequeno aumento de arrecadação e economia nos gastos, o déficit financeiro do Município ficou em R$ 382 milhões.

Os impostos que são de responsabilidade do Executivo, como o Predial e Territorial Urbano (IPTU), arrecadou 16% a mais do que no 2º quadrimestre de 2016, o Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), manteve-se estável, e de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), teve uma diminuição de 13,28%. Além disso, o Governo Estadual anunciou que o Índice de Participação do Município (IPM) de Porto Alegre no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), para o ano de 2018, terá uma redução de 7,12%, afetando a arrecadação receita municipal.

Outra preocupação do Executivo é com a elevação natural dos gastos com pessoal, que já atinge 50, 59%, estando próximo ao Limite Prudencial estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal, de 51,3%, e do Limite Máximo, que é de 54%. Além disso, a estimativa de Busatto é que o orçamento municipal de 2018 tenha um déficit de R$ 700 milhões. O Vereador Nedel, relator da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2018, afirma que a situação financeira da Prefeitura está complicada e teme que possa haver redução de investimento nos serviços básicos oferecidos pela Prefeitura. “Se o Executivo não conseguir diminuir despesas e aumentar a arrecadação, o orçamento de 2018 ficará comprometido e a população de Porto Alegre poderá ser penalizada”.

Anúncios

Um comentário sobre “Prefeitura apresenta as contas do 2º quadrimestre de 2017

  1. Apenas fico apavorada que apesar de toda essa crise instaurada a prefeitura não para de chamar cc (cargo de confiança), com altíssimos salários. Basta acompanhar diariamente no diário oficial. Enquanto nada de concursados. Com alto deficit de assistente administrativo e nada de concursados.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s