Atracadouro do Gasômetro é liberado para passeios

No aniversário de 246 anos de Porto Alegre foi inaugurado o atracadouro da Usina do Gasômetro, construído com a revitalização da Orla. Nele irão atracar os barcos de turismo Cisne Branco, Porto Alegre 10 e Noiva do Caí. Durante a cerimônia realizada no dia 26 de março, várias autoridades citaram o trabalho da Frente Parlamentar do Turismo da Câmara Municipal (FRENTUR), através do seu Presidente, o Vereador João Carlos Nedel, pelo desenvolvimento do Turismo Náutico na Cidade.

O presidente da Associação do Turismo Náutico do Rio Grande do Sul (Atun), Vilian Velloso de Oliveira, saudou Nedel por sempre estar ao lado da Entidade, apoiando e ajudando nas demandas náuticas. Vilian ressaltou o entusiasmo dos donos de barcos, pois o novo ancoradouro “dará mais segurança e qualidade para os porto-alegrenses e turistas, que realizarem os passeios”. Já o Prefeito Nelson Marchezan afirmou que o Vereador Nedel batalhou, muito, para que o atracadouro fosse liberado mais rápido e destacou que este é o primeiro ancoradouro público de Porto Alegre.

Nedel, que articulou por meses a liberação do local, ressaltou que um dos focos da Frentur é fomentar o Turismo Náutico e aproveitar todo o potencial e a beleza do Lago Guaíba. “Nossa Orla é linda, mas pouco aproveitada. Temos diversas ilhas com grande potencial turístico, mas ainda não há estrutura para a realização de passeios. Com o atracadouro no Gasômetro, a Orla voltará a ser ponto de referência para os barcos. No entanto, Porto Alegre precisa de mais ancoradouros para ligar lugares e dar mais opções de rotas de passeios”.

Segundo os dados fornecidos pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), o Turismo Náutico atinge, atualmente, 180 mil pessoas e produz um movimento financeiro de R$ 3 milhões anuais.

Anúncios

Abertas as inscrições para o II Caminho de Porto Alegre

Estão abertas as inscrições para o II Caminho de Porto Alegre que acontecerá no dia 22 de abril, com início às 07 horas na Catedral Metropolitana, e é organizado pela Associação dos Amigos de Santiago de Compostela do Rio Grande do Sul (ACASARGS) com o apoio da Frente Parlamentar do Turismo da Câmara Municipal (FRENTUR) e do Departamento de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE).

Foto: Joel Vargas / PMPA

O Vereador João Carlos Nedel, Presidente da Frente Parlamentar do Turismo (FRENTUR), explica que a caminhada passa por vários pontos turísticos, culturais e religiosos da Cidade. “O trajeto possui 21 km e vamos passar pela Orla do Gasômetro, Museu Iberê Camargo e Praia de Ipanema. Nossa expectativa é chegar a 500 peregrinos. Queremos que o Caminho de Porto Alegre entre para o calendário de eventos da Cidade e que turistas venham para participar da caminhada”.

Foto: Joel Vargas / PMPA

Segundo a Presidente da Associação dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela do Rio Grande do Sul (ACASARGS), Adriana Reis, a caminhada é inspirada no Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha. Os peregrinos podem carimbar a credencial de Compostela no Caminho de Porto Alegre. “Desde a primeira edição, a Catedral, a Igreja das Dores, além dos santuários de Schoenstatt e de Santa Rita de Cássia, têm a chancela da Catedral de Santiago para carimbar as credenciais espanholas”, esclarece Adriana.

Durante a cerimônia de abertura, o Prefeito Nelson Marchezan parabenizou o Vereador Nedel pela lealdade e compromisso com a Cidade e o elogiou pela realização do Caminho. Já José Fogaça, salientou a relação que Porto Alegre tem com Nossa Senhora, citando as procissões que ocorrem em várias paróquias. “Porto Alegre é uma Cidade profundamente comprometida com a devoção religiosa”.

As inscrições para o II Caminho de Porto Alegre são gratuitas e podem ser feitas pelo site https://acasargs.com.br/evento/2-caminho-de-porto-alegre/. Haverá pontos de apoio e acompanhamento médico ao longo de todo o percurso.

Trincheira Ceará deverá ser concluída até outubro

As obras da Trincheira da Ceará foram retomadas nesta sexta-feira, 23 de março, com prazos máximos de um mês e meio para a liberação da Avenida Farrapos, em direção a Avenida Zaida Jaros, e oito meses para a conclusão do local. O anúncio foi dado pelo Prefeito Nelson Marchezan, que garantiu que não haverá desculpas para o atraso da entrega, pois recursos humanos e financeiros não irão faltar.

As obras estavam paradas desde o final de 2016 e foram retomadas porque a Prefeitura conseguiu quitar os débitos com a construtora responsável pela intervenção, graças ao primeiro repasse do empréstimo com o Banrisul. O Vereador João Carlos Nedel, que acompanhou todo o processo do financiamento, disse que era necessário começar pela Trincheira da Ceará. “Essa era uma das maiores reivindicações da população, porque a obra estava causando muito congestionamento e prejudicando o acesso à Porto Alegre. Essa via é muito importante para a mobilidade da Cidade”. No local, deverão passar cerca de 75 mil carros por dia.

II Caminho de Porto Alegre será lançado na Semana de Porto Alegre

Foto da primeira edição

O lançamento do II Caminho de Porto Alegre acontecerá no dia 23 de março, às 16 horas, no Paço Municipal, como parte das atividades da Semana de Porto Alegre. Inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha, o Caminho de Porto Alegre é uma caminhada contemplativa, que perpassa diversos pontos turísticos e religiosos da Capital gaúcha e será realizado no dia 22 de abril, com início às 07 horas.

Organizado pela Associação dos Amigos de Santiago de Compostela do Rio Grande do Sul (ACASARGS) com o apoio da Frente Parlamentar do Turismo da Câmara Municipal (FRENTUR) e do Departamento de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), o Caminho possui 21 km de extensão, atravessando a Cidade, do Centro Histórico à Zona Sul. Os peregrinos partirão da Catedral Metropolitana, passarão pela Igreja das Dores, Orla do Gasômetro, Museu Iberê Camargo, Santuário de Schoenstatt, Pedra Redonda, Praia de Ipanema, Monumento a Mãe Oxum até chegarem ao Santuário de Santa Rita de Cássia, no bairro Guarujá.

Segundo o Presidente da Frentur, Vereador João Carlos Nedel, o Caminho tem o objetivo de incentivar o turismo religioso e cultural, além de criar uma atividade para integrar o Calendário de Eventos do Município. “Porto Alegre tem muitos lugares bonitos e que não são aproveitados. Queremos que os porto-alegrenses curtam mais a Cidade e que turistas venham para fazer a caminhada”.

A Presidente da ACASARGS, Adriana Reis, afirma que o Caminho é uma oportunidade para ver Porto Alegre com “outros olhos”, possibilitando a observação, com mais calma e atenção, dos locais que fazem parte do cotidiano. “Cada peregrino realiza a caminhada de uma forma e com um objetivo próprio, sendo que, muitos, aproveitam para fazer uma reflexão pessoal”, explica.

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas pelo site da ACASARGS. Os 300 primeiros inscritos receberão o kit do peregrino com camiseta, credencial, certificado, barra de cereal e água. Haverá pontos de apoio e acompanhamento médico ao longo do trajeto.

As igrejas que fazem parte do Caminho, Catedral Metropolitana, a Igreja das Dores, além dos santuários de Schoenstatt e Santa Rita de Cássia estão autorizadas, pela Catedral de Santiago, a carimbar a credencial de Compostela para somar os quilômetros percorridos às rotas de Santiago. O objetivo é juntar os quilômetros percorridos em Porto Alegre aos caminhos espanhóis para a obtenção da Compostela.  A credencial poderá ser solicitada com a ACASARGS pelo e-mail contato@acasargs.com.br.

Município economiza R$ 32 milhões de outubro a dezembro de 2017

A informação foi dada pelo Observatório Social de Porto Alegre (OSPOA), ao apresentar o relatório do terceiro quadrimestre de 2017, em audiência pública realizada pela Comissão de Economia, Finanças, Orçamento e Mercosul da Câmara Municipal (CEFOR), no dia 20 de março. De outubro a dezembro, a Organização acompanhou 30 processos licitatórios, interferindo em quatro, com o objetivo de melhorar os produtos e serviços adquiridos pelo Município. Nas licitações acompanhadas, o resultado foi a economia de mais de R$ 32 milhões entre os gastos previstos e os realizados.

O Observatório é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que atua de forma voluntária, acompanhando as licitações realizadas pelo Município com o objetivo de verificar como estão sendo utilizadas as verbas públicas. Parceira da Cefor, a entidade complementa o trabalho dos vereadores na fiscalização do trabalho e dos gastos do Executivo.

O Presidente da Comissão, Vereador João Carlos Nedel, enalteceu o trabalho da entidade, principalmente, por ser feito de forma voluntária. “O Observatório trabalha em prol da transparência e do uso responsável das verbas públicas. É um verdadeiro exercício de cidadania”.

Lei Antivandalismo pretende punir quem cometer danos ao Município

Foto: Brayan Martins/ PMPA

A Prefeitura Municipal assinou na manhã desta terça-feira, 13 de março, a Lei Antivandalismo, que altera as competências da Guarda Municipal e as punições aos cidadãos que causarem danos ao patrimônio público ou atrapalharem o fluxo da Cidade. O projeto foi criado pelo Prefeito Nelson Marchezan e aprovado pela Câmara de Vereadores com o apoio do Vereador João Carlos Nedel, que, segundo Marchezan, “é um defensor desta bandeira”.

Nedel acredita que a nova legislação poderá resolver alguns problemas de Porto Alegre, como o ataque ao patrimônio municipal, o descarte irregular de lixo e os protestos que bloqueiam o trânsito. “Sempre lutei para que a liberdade individual não afetasse o Bem Comum e para que a ação desviante de pequenos grupos não interferisse no dia a dia da Cidade. Estamos dando um passo importante no enfrentamento do vandalismo porque, agora, as pessoas que cometerem algum delito, serão responsabilizadas”.

Com a Lei, a Guarda Municipal poderá autuar os cidadãos, além aplicar multas sempre que for constatada alguma irregularidade. De acordo com Marchezan, as mudanças pretendem, ainda, unificar as ações realizadas pelos órgãos municipais, com o objetivo de melhorar a convivência democrática. “A segurança pública está acima de ideologias, partidos e corporações. É um trabalho integrado”.

Cônsul Geral da Espanha: Caminho de Porto Alegre promove aspectos turísticos e religiosos

Da esq. para a dir: Francisco de Asís Benítez Salas, Adriana Reis, Vivian Carneiro, João Carlos Nedel e José Antonio Célia.

Acompanhado pela Presidente da Associação dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela no Rio Grande do Sul (ACASARGS), Adriana Reis, o Vereador João Carlos Nedel, Presidente da Frente Parlamentar do Turismo (FRENTUR) da Câmara Municipal, visitou o Cônsul Geral da Espanha em Porto Alegre, Francisco de Asís Benítez Salas, no dia 09 de março. Nedel apresentou o Caminho de Porto Alegre e convidou o Cônsul para a cerimônia de lançamento da segunda edição, que será no dia 19 de março, às 11 horas, no Paço Municipal.

O Caminho de Porto Alegre, inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, Espanha, reuniu mais de 300 peregrinos no ano passado. O Vereador expôs que a expectativa é que nesta segunda edição o número de participantes aumente, graças à repercussão e ao envolvimento dos peregrinos. Ele ainda destacou que os 20 km percorridos em Porto Alegre podem ser somados às rotas do Caminho de Santiago. Por isso, as igrejas das Dores, de Schoenstatt e de Santa Rita de Cássia, além da Catedral Metropolitana, estão inscritas e autorizadas pela Catedral de Compostela a carimbarem a credencial do peregrino.

Francisco de Asís Salas agradeceu o convite e comentou que “o Caminho não é só cultural e lúdico. Ele promove aspectos turísticos e religiosos”. Segundo o Cônsul, o Rio Grande do Sul tem um patrimônio psicológico, intelectual, cultural e histórico que é pouco aproveitado. “Porto Alegre tem muita história, mas precisa de desenvolvimento”, comentou, ao se colocar à disposição para ajudar a incentivar o turismo na Cidade.

O II Caminho de Porto Alegre será no dia 22 de abril, com início às 07 horas. As inscrições iniciam no dia 20 de março e são gratuitas. Os 300 primeiros inscritos receberão o kit do peregrino com camiseta, credencial e certificado.